XENOESTRÓGENOS PARTE 2


 

 

Os Xenoestrógenos ou Xenoestrogênios enquadram-se nos chamados disruptores endócrinos – substâncias que imitam a ação de hormônios.

Seguem exemplos conhecidos e sugestões para evita-los:

1 – Pesticidas (herbicidas, atrazina, inseticidas) – preferir alimentos orgânicos;

2 – Químicos industriais (bisfenol A – BPA, ftalatos) – evite pratos, copos e outros utensílios de plástico na hora de esquentar ou armazenar alimentos na geladeira. Opte pelo vidro, cerâmica e porcelana na hora de armazenar bebidas e alimentos. Evite o consumo de alimentos e bebidas enlatadas, pois o bisfenol é utilizado como resina epóxi no revestimento interno das latas.

3 – Fármacos (cimetidina, cetoconazol) – Risco X beneficio deve ser avaliado pelo médico na necessidade do uso prolongado.

Compartilhar: